GANDIA, LUIZ

(Jundiaí, 1909 +19/1/1943) – Filho do serralheiro espanhol João Gandia, por muitos anos estabelecido na Rua General Osório, altura do nº 124, em plena década de 1930 Luiz criou nesse local um “teatro de bolso” que se tornou famoso em toda a vizinhança. Apaixonado desde criança pela representação dramática, Luiz dedicou-se ao seu estudo por meio de manuais e daí passou a montar variadas peças  na oficina do pai, nas quais tomavam parte os seus irmãos Wilson (ex-jogador do Paulista F.C.), Luiza e João Gandia e alguns primos e primas da família Gagliano. O palco era improvisado sobre caixotes de tábuas e a plateia – entre 20 e 25 pessoas – se acomodava como podia para assistir aos espetáculos escritos por ele ou então adaptados de libretos, que eram bastante comuns naquela época. Além de encarregar-se dos ensaios e da direção dos espetáculos, Luiz Gandia fazia o ponto dos atores com os quais representava. Peças como A Cruz e o Diabo, Tristeza do Jeca, Paixão de Cristo, O Sapateiro e Boneca de Piche fizeram parte do repertório daquele teatrinho, cujas atividades se encerraram depois da morte precoce do seu criador.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 13 de julho de ...
1885 Nascia em Penta, distrito de Salermo, Itália, Domingos Bisogni, fundador da Associação dos Alfaiates de Jundiaí.
1934 Nascia em Itatiba-SP a pintora e ceramista Helena Garcia.
1947 Nascia em Jundiaí o músico Antonio Marques (Toninho Marques).
1967 Falecia em Jundiaí, aos 42 anos, o diretor teatral Irineu Tromboni.
1981 Falecia em Pindamonhangaba-SP, o artista circense, humorista de rádio e cineasta Amácio Mazzaropi.
1982 Falecia em Jundiaí o pintor Orlando Rômulo Paschoal, participante do I Salão Jundiaiense de Belas Artes.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO