GANDRA, ANTENOR SOARES

(Jundiaí, 10/2/1891 +São Paulo, 18/5/1946) – Filho do tenente-coronel Júlio Cezar Ferreira Gandra e de Maria Soares Gandra, proprietários da Fazenda Santa Fé, no Distrito de Rocinha (atual Vinhedo), Antenor Soares Gandra doutorou-se em 1914, pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, e no mesmo ano veio iniciar sua carreira em Jundiaí. Em 1916, com sua clientela já formada, desposou a carioca Maria Celeste Ribeiro Gandra, com a qual teve quatro filhos, todos nascidos em Jundiaí. Como médico, prestou relevantes serviços à cidade, empregando seus conhecimentos profissionais no Hospital de Caridade São Vicente de Paulo; na chefia do Serviço Sanitário Municipal – onde se destacou pelas prontas medidas adotadas na debelação da epidemia de gripe que assolou o município em 1918; como chefe da Inspetoria de Profilaxia da Lepra – onde ajudou a organizar a campanha de transferência dos doentes da cidade para o Leprosário de Pirapitingui, onde inaugurou uma rua com o nome de Jundiaí; como fundador e chefe da clínica da Sociedade Fratellanza Italiana (Casa de Saúde), de 1925 a 1936; e, também, como médico da Cia. São Bento de Tecelagem, do Centro dos Motoristas e de várias outras instituições de beneficência. Em 1932, chefiou, na cidade, o Movimento Constitucionalista, acompanhando e combatendo ao lado dos voluntários jundiaienses. Projetando-se politicamente, ocupou o cargo de prefeito municipal, de 25/9/1933 a 13/2/1936 e de 4/6 a 16/7/1936, e, em seguida, foi eleito deputado estadual. Neste posto, ocupou a primeira secretaria da mesa da Assembleia Legislativa. Sua gestão à frente do Executivo jundiaiense foi marcada por grandes realizações, tais como: construção do Mercado Municipal – inaugurado em abril de 1934, com a primeira Exposição Vitivinícola do Estado de São Paulo; construção do Paço Municipal, na Rua Barão de Jundiaí (1936); construção do Viaduto São João Batista (1937); criação do Grupo Escolar da Vila Arens, da Escola Profissional Mista e do Núcleo de Ensino Profissional de Jundiaí (1934); criação da Cooperativa dos Vitivinicultores do Bairro do Caxambu e da Estação Experimental de Viticultura do Corrupira (1935); criação do Centro de Saúde (1936). Como deputado, conseguiu a aprovação de lei criando o 1º Ginásio Estadual de Jundiaí. Depois de deixar a Assembleia, Antenor Soares Gandra exerceu os cargos de assistente médico e superintendente do Hospital de Clínicas da Faculdade Paulista de Medicina.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 13 de junho de ...
1966 Nascia em Montevidéu-Uruguai a coreógrafa Lis Michele Garcia Alaniz Lopes.
2008 Falecia em Jundiaí, aos 63 anos, a pianista e bailarina Teresa Cristina Sciamarelli.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO