CAMPAZ, WALTER

(São Paulo, 16/6/1927– Escritor jurídico e fotógrafo amador. Bacharel em Direito pela PUC-Campinas (turma de 1959); especialista em Direito Público, nas áreas de Direito Constitucional, Administrativo e Tributário, pela USP (1972) e Mestre em Direito Administrativo pela PUC-Campinas (1980), Walter Campaz exerceu a advocacia e foi Procurador Judicial do Município de Jundiaí, de 1960 a 1973; foi Juiz-presidente da Junta do Trabalho em Jundiaí, de 1973 a 1980, e assessor de Juiz no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, de 1980 a 1998.Também exerceu atividade docente, lecionando Direito Administrativo na Faculdade de Direito Padre Anchieta (1971 a 1986) e na Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1982 a 1996). É autor dos livros Revogação dos Atos Administrativos (RT Editora, 1983); Direito, Interpretação, Aplicação e Integração (Editora Juarez de Oliveira, 2001). Outros trabalhos publicados: Regime Jurídico dos Servidores da Justiça do Estado de São Paulo que Trabalham em Serventias não Oficializadas (LTr, 39, pág. 862); Discricionaridade (Revista de Direito Público, 47/48, págs. 28-37); O problema das Lacunas no Direito Público e Privado (Justitia, vol. 99, págs. 107-122); Revogação dos Atos Administrativos (Revista Forense, vol. 264, págs. 97-104). Como fotógrafo, Campaz fez parte do Foto-Cine Clube Jundiaí e do Foto-Cine Clube Bandeirantes, de São Paulo. Participou de numerosos eventos de arte fotográfica, inclusive do 9º Salão Nacional e do 3º Salão Internacional de Fotografia, realizados em Jundiaí. Também mostrou seus trabalhos no I Encontro de Arte do Colégio Técnico Prof. Luiz Rosa (1973), como convidado especial.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 13 de julho de ...
1885 Nascia em Penta, distrito de Salermo, Itália, Domingos Bisogni, fundador da Associação dos Alfaiates de Jundiaí.
1934 Nascia em Itatiba-SP a pintora e ceramista Helena Garcia.
1947 Nascia em Jundiaí o músico Antonio Marques (Toninho Marques).
1967 Falecia em Jundiaí, aos 42 anos, o diretor teatral Irineu Tromboni.
1981 Falecia em Pindamonhangaba-SP, o artista circense, humorista de rádio e cineasta Amácio Mazzaropi.
1982 Falecia em Jundiaí o pintor Orlando Rômulo Paschoal, participante do I Salão Jundiaiense de Belas Artes.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO