LOPES, SEBASTIÃO DONIZETTI DA SILVA

Pintor e gravurista. Em meados dos anos 1980, quando ministrava aulas de serigrafia na Casa da Cultura, Sebastião Donizetti foi pivô de grande celeuma no meio artístico de Jundiaí, ao expor 14 quadros no Solar do Barão, reproduzindo parte da Via Sacra de Aldo Locatelli encontrada na Igreja do Mosteiro de São Bento. Por não fazer menção ao autor da obra e assinar os quadros com seu próprio pseudônimo artístico (Tião), sua mostra foi denunciada pela imprensa como Farsa no Solar. Os quadros por ele produzidos – cuja técnica não chegou a ser posta em questão – se destinavam à decoração da Igreja Matriz de São Sebastião, então recém-inaugurada no município de Louveira.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 20 de julho de ...
1885 Nascia em Itu-SP o músico e maestro José Maria dos Passos.
1938 Falecia em Jundiaí, aos 63 anos, o médico Domingos Anastasio.
1947 Falecia em Jundiaí, aos 41 anos, o Professor João Muto.
2001 Falecia em São Paulo, aos 30 anos, o ilustrador e criador de histórias em quadrinhos e livros infantis Émerson Eduardo Luiz.
2002 Falecia em Jundiaí o ritmista Island Júnior.
2003 Falecia em Jundiaí, aos 90 anos, o violonista amador José Levada. Falecia em Jundiaí, aos 90 anos, o violonista amador José Levada.
2019 Falecia em Jundiaí o metalúrgico, radialista e ex-vereador Rolando Giarola.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO