FREITAS, SENA

Padre, professor e escritor de origem portuguesa. Veio para Jundiaí em 1887, quando instalou na Rua do Rosário, no mesmo prédio em que funciona a Escola Paroquial Francisco Telles, um colégio que se tornou bastante conceituado por seu alto nível de ensino. Em Santos, onde morou anteriormente, Sena Freitas travou célebre polêmica com o escritor Júlio Ribeiro, por causa do romance A Carne, de autoria deste, taxada de pornográfica por alguns críticos da época. Grande cultor da literatura luso-brasileira, deixou diversas obras publicadas, entre as quais, Perfil de Castelo Branco, onde traça a biografia de seu conterrâneo Camilo Castelo Branco. Em 1887, quando da morte do vigário João José Rodrigues, coube-lhe fazer o seu panegírico junto ao túmulo em que o mesmo foi sepultado no Cemitério N.S. do Desterro.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 17 de julho de ...
1892 Nascia em Castel Viscardo, Itália, o músico Odorico Stefani.
1918 Nascia em Jundiaí o ator e comediante Gentil Bervert.
1929 Nascia em Jundiaí o advogado, poeta e cantor João Lopes de Camargo.
1988 Falecia em Jundiaí, aos 59 anos, o músico e desenhista autodidata Leonardo Scarpim (Nardinho).
1996 Falecia em Jundiaí, aos 89 anos, o odontólogo e músico Isaac da Silva Bellini.
1997 Falecia em Jundiaí o cantor, compositor e cineasta Moacyr de Almeida Ramos.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO