THOMAZESKI, ANTONIO EDMILSON

(Jundiaí, 14/5/1940) – Pintor. Assina A.E. Thomazeski. Iniciou sua formação no Liceu de Artes e Ofícios da Escola de Belas Artes de São Paulo, frequentando depois, o Curso de Desenho e Propaganda da Escola Panamericana de Artes e a Faculdade de Artes Plásticas de Bragança Paulista-SP. Thomazeski participa de exposições desde 1959, quando foi admitido no III Salão Jundiaiense de Belas Artes, realizado no Gabinete de Leitura Ruy Barbosa. Constam do seu currículo, entre outras participações: III e IV Salões Municipais de Belas Artes de Jundiaí; I Encontro Jundiaiense de Arte; Salão Dom João VI de Belas Artes (São Paulo); I e II Mostras de Arte do Clube Beneficente e Recreativo 28 de Setembro (Jundiaí); XII Mostra de Arte dos Empregados da Light (São Paulo e Rio de Janeiro); XIII Mostra de Arte dos Empregados da Light (São Paulo); I Salão Campolimpense de Arte (Campo Limpo Paulista-SP); II Exposição Arte e Educação (EEPSG Dr. Antenor Soares Gandra, Jundiaí); I Semana Universitária da Associação Bragantina de Estudantes Universitários (Bragança Paulista-SP); II Salão de Arte Contemporânea da Associação dos Artistas Plásticos de Jundiaí; I Mostra de Artes Plásticas da Prefeitura Municipal de Jundiaí (Jundiaí); Pacearte Gallery (Embu-SP); I e II Coletivas dos Associados da A.A.P.J. (Jundiaí); Exposição Gênios da Pintura (Centro Cultural Bandeirantes, Jundiaí); V Salão de Arte Contemporânea da A.A.P.J. (Jundiaí); Mostra Coletiva de Artistas Jundiaienses em Iwakuni-Japão; II Feira de Arte e Artesanato de Morungaba-SP; I Salão Nacional de Humor de Jundiaí. Possui diversas premiações, entre medalhas, menções honrosas e referências especiais do júri. Crítica: “Thomazeski é um pintor. Além disso, e acima de tudo, é um excepcional colorista. Suas telas formalmente lembram a orgia das cores destes trópicos, numa massa feérica onde o figurativo se esvai ou se rende na multidão das formas abstratas. Mas não só desse ângulo as telas de Thomazeski devem ser apreciadas. Para aqueles que preferem enxergar na obra uma história – ou várias histórias entrelaçadas – Thomazeski oferece recordações que nosso inconsciente guarda, pela vivência passada ou até mesmo pelo desejo do encontro lúdico. Suas crianças, seus animais, suas paisagens, contam sempre uma mesma história, recheada de uma singeleza que qualquer pessoa que conheça o artista notará facilmente.” (Carlos Motta, 1982).

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 17 de julho de ...
1892 Nascia em Castel Viscardo, Itália, o músico Odorico Stefani.
1918 Nascia em Jundiaí o ator e comediante Gentil Bervert.
1929 Nascia em Jundiaí o advogado, poeta e cantor João Lopes de Camargo.
1988 Falecia em Jundiaí, aos 59 anos, o músico e desenhista autodidata Leonardo Scarpim (Nardinho).
1996 Falecia em Jundiaí, aos 89 anos, o odontólogo e músico Isaac da Silva Bellini.
1997 Falecia em Jundiaí o cantor, compositor e cineasta Moacyr de Almeida Ramos.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO