SOUZA, ANTONIO THYRSO PEREIRA DE

(Sarutaia-SP, 1943) – Pintor. Iniciou seus estudos na Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), com Eduardo Sued e Nelson Nóbrega, como bolsista. Em seguida estudou gravura com Marcelo Grassman, Mário Gruber e Darel Valença Lins. Entre 1962 e 1964, atuou como assistente de Darel Valença, nas aulas de litogravura. Em 1964, foi orientador da área de artesanato do III Curso de Formação de Professores do Litoral Sul. Em 1965 fez cenografias para o teatro infantil do Grupo Ivonete Vieira. De 1966 a 1968, lecionou para nível prinário na escola isolada de Trabiju, no município de Monteiro Lobato. Seu relacionamento com Jundiaí surgiu nessa época, quando expôs na Sala São Luiz, em São Paulo, ao lado de Maurício Mojola e de outros expoentes da pintura e da gravura, como Ari de Moraes Possato, Braz Dias e Sílvio Frank Oppenheim. Em 1973, já morando em Jundiaí, tomou parte na II Mostra de Arte do Clube Beneficente e Recreativo 28 de Setembro. No ano seguinte, ajudou a fundar a Associação dos Artistas Plásticos de Jundiaí, a qual presidiu e sediou em sua própria casa até 1976. Exposições, salões e premiações: 1962 – Salão de Arte do Paraná (Medalha de Bronze); 1º Salão do Trabalho (São Paulo); 4º Salão de Arte de São Bernardo do Campo (SP). 1963 – Coletiva de gravadores na Galeria de Arte São Luiz (São Paulo). 1964 – 1º Salão de Arte Moderna do Distrito Federal (Brasília-DF); 1ª Exposição da Jovem Gravura Nacional (MAG, São Paulo); 7º Salão de Arte de São Bernardo do Campo; XXI Salão Paranaense de Belas Artes (São Paulo). 1965 – 8º Salão de Arte de São Bernardo do Campo (SP); Galeria de Arte São Luiz (São Paulo); 1º Salão de Arte Religiosa Brasileira do Paraná (Menção Honrosa). 1966 – Missão Cultural Brasileira no Paraguai; 1971 – Bellinghauses Decorações (São Paulo); 1973 – II Mostra de Arte do Clube Beneficente e Recreativo 28 de Setembro; 1974 – III Mostra de Arte do Clube Beneficente e Recreativo 28 de Setembro; I Salão Campolimpense de Arte Contemporânea (Prêmio Diógenes Paes); VI Salão de Arte Religiosa Brasileira do Paraná (Prêmio aquisição Museu de Arte Contemporânea do Paraná); 1974 – 17º Salão de Arte de São Bernardo do Campo (Menção Honrosa pelo conjunto dos desenhos); JundiHobbies. 1975 – Galeria do Banco Nacional (Curitiba-PR); A Arte de Jundiaí (EucatExpo, São Paulo). Rio-Brasília – No início dos anos 80, Antonio Thyrso deixou Jundiaí para viver da arte no Rio de Janeiro, e de lá, posteriormente, transferiu-se para Brasília (DF), para atuar junto a um dos órgãos do Ministério da Cultura.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 22 de abril de ...
1934 Nascia em Jundiaí a professora e musicista Janet Ferreira Prado.
1966 Nascia em Jundiaí a jornalista, advogada, professora universitária e escritora Kátia Raquel Bonilha Keller.
1970 Nascia em Ouro Verde-SP o ator Vanderlei Dias de Oliveira.  

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO