ORTELAN, CARLOS

Ortelan na coreografia Ser Feliz: medalha de ouro em Nova Iorque

(Bauru-SP) – Coreógrafo e bailarino. O gosto de Carlos Ortelan pela dança se revelou logo aos 7 anos, quando começou a participar de eventos realizados na escola onde estudava. Com 15 anos, ao participar do Festival de Arte Modesta, em Bauru, integrando um grupo teatral, teve a atenção despertada para as apresentações de balé e passou a dedicar-se à dança, tornando-se solista consagrado em sua terra natal. Partindo para São Paulo, estudou na Companhia Cisne Negro, indo formar-se, depois, na Royal Academy de Londres. Em Jundiaí, dá aulas na Academia Grafite e é responsável pela preparação das coreografias da Companhia Corpo Livre. Acumula vários prêmios nacionais e internacionais, como os conquistados nos festivais de Uberlândia-MG, Joinville-SC, Rio de Janeiro e no Enredança de Jundiaí e no Festival de Nova Iorque de 1997, onde obteve o primeiro lugar com a coreografia Para Ser Feliz, de sua autoria, e Medalha de Prata com a coreografia Spartacus (balé de repertório), apresentando-se com a bailarina Daniela Quissac.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 13 de junho de ...
1966 Nascia em Montevidéu-Uruguai a coreógrafa Lis Michele Garcia Alaniz Lopes.
2008 Falecia em Jundiaí, aos 63 anos, a pianista e bailarina Teresa Cristina Sciamarelli.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO