NORMANTON, HARY

(Jundiaí, 19/8/1922 +6/1/1978) – Líder ferroviário. Filho de John Normanton Júnior e Benedita Pinto Silva Normanton. Hary Normanton ingressou na Escola de Aprendizagem Profissional da Companhia Paulista de Estradas de Ferro com 11 anos e aos 14 se tornou funcionário da empresa, na qual já trabalhava seu pai, continuando uma tradição iniciada por seu avô, John Normanton, engenheiro inglês que tomou parte na construção das primeiras linhas e estações de trens na região de Jundiaí. De limpador de peças, passou a eletricista e, nessa função, começou a tomar parte nos movimentos reivindicatórios dos trabalhadores da ferrovia. Em 1950 foi conduzido ao cargo de delegado sindical e, a partir daí, projetou-se na vida pública, sendo eleito duas vezes vereador (1951 e 1955) e três vezes deputado federal (1958, 1962 e 1966), sempre com o apoio maciço da classe ferroviária. Nesse período, Hary Normanton esteve à frente de memoráveis campanhas em defesa dos direitos e interesses dos trabalhadores, tais como a que lhes assegurou a complementação salarial e a que culminou com a encampação da ferrovia pelo Governo do Estado, evitando que ela quebrasse. Também, na qualidade de presidente do Sindicato dos Ferroviários da Zona Paulista, tomou parte no V Congresso Mundial de Sindicalismo, realizado em Moscou-URSS, e visitou a China. Hary Normanton estava em meio ao seu terceiro mandato quando, em 6 de janeiro de 1968, a sua carreira foi interrompida pelo Ato Institucional nº 5, que suspendeu os direitos políticos de vários deputados, por discursos proferidos contra o regime militar.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 14 de junho de ...
1898 Falecia em Jundiaí, aos 56 anos, Antonio Damásio Santos, o primeiro jundiaiense nato a administrar a cidade com o título de intendente.
1912 Nascia em Jundiaí o pintor Arthêmio Matiazzo.
1924 Nascia em Milão, Itália, o fotógrafo Lívio Tagliacarne.
1928 Nascia no Rio de Janeiro a poetisa Hilda Santos da Silva.
1936 Nascia em Jundiaí o professor e engenheiro naval Dayr Schiozer.
1965 Nascia em Jundiaí a pintora Isabel Cristina Baptistella Araújo.
1986 Falecia em Jundiaí, aos 94 anos, a professora e poetisa Maria de Toledo Pontes.
2003 Falecia em Jundiaí, aos 73 anos, o artista plástico Issis Martins Roda.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO