PROFETA, LUIZ CARLOS

(São Paulo, 23/4/1955 +Jundiaí, 13/6/2016)) – Pintor. Assinava: Profeta. Iniciou-se na arte em 1977, num curso de óleo sobre tela ministrado na Jund-Hobby. Em 1978, foi aluno do pintor Issis Martins Roda, na Associação dos Artistas Plásticos de Jundiaí. Participou também dos cursos de Arte Pós-Moderna e Mercado de Arte, ministrados na Casa da Cultura de Jundiaí em 1987; Serigrafia e Fotografia, no mesmo local, em 1988, e Fotografia para Fotógrafos Amadores, no Centro das Artes, em 1993. Realizou mostras individuais de suas obras na loja de móveis Corazza (Jundiaí, 1982); Instituto de Idiomas Yázigi (Jundiaí, 1996) e no Restaurante e Pizzaria Barril (Jundiaí, 1996). Exposições coletivas: ABAAP – Associação Brasileira de Artesanato e Artes Plásticas (São Paulo, 1980); APA – Associação Paulista de Artes (São Paulo, 1980); AAPJ – Associação dos Artistas Plásticos de Jundiaí (1980); II Mostra de Pinturas e Artesanatos (Jundiaí, 1981); Feira de Arte e Artesanato da Praça Carlos Gomes (Campinas, 1981); FECONEZU – Festival Comunitário Negro Zumbi (Centro das Artes de Rio Claro-SP, 1982); Ghisa Artesanatos (Centro das Artes de Jundiaí, 1983); Indústria de Móveis Cunhighnan (Jundiaí, 1983); Casa da Cultura de Jundiaí (1984); Móveis Arabesco (Jundiaí, 1985); Frikotes (Jundiaí, 1985); Festival e Mostra Regional de Arte (Secretaria do Interior, São Paulo, 1985): Credi-Nino (Jundiaí, 1985); Humanizart’s (Itatiba, 1986); Clube Beneficente e Recreativo 28 de Setembro (Jundiaí, 1986); Decor Shop (Jundiaí, 1986); Bargueno Antiquário (Jundiaí, 1987); XIX Feira da Amizade – Barraca Brasileira (Jundiaí, 1987); Semana da Consciência Negra (Unicamp, Campinas, 1987); FECONEZU – Festival Comunitário Negro Zumbi (Teatro São João, Taubaté-SP); Festival do Sino (Casa da Cultura de Araras-SP, 1987); Casa Antiga (Jundiaí, 1988); Minigaleria do Solar do Barão (Jundiaí, 1990); Cetti Presentes (Jundiaí, 1990); Classe Artes, Molduras e Galeria (São Paulo, 1990); Ao Colarinho de Madeira (São Paulo, 1990); Moinho Pizzaria (Jundiaí); Exposição de Arte Afro-Brasileira (Centro das Artes de Jundiaí, 1991); Bar’Baridade (Jundiaí, 1992); 1° Encontro Kizomba (Campo Limpo Paulista, 1993); Arte Móvel (Jundiaí, 1993/94/95); Jundiaí: Educação com Arte (Complexo Cultural Argos, 1999); Tributo à Brasilidade (Museu Histórico e Cultural de Jundiaí, nov/2004). Luiz Carlos Profeta também fez trabalhos de decoração em salões e carros alegóricos para o carnaval. Foi diretor de barracão nas Escolas de Samba Colorado, Juventus, Pitangueiras, União da Vila, Arco-Íris, Azul e Branco e Cai Cai, além ter presidido o Clube Beneficente e Recreativo 28 de Setembro. Está catalogado no Anuário Jundiaiense de Artes Plásticas, edições de 1997 e 1998.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 24 de junho de ...
1905 Nascia em Jundiaí o ator Pompeu Perdiz.
1912 Nascia em Itatiba Luiz Latorre, empresário e ex-prefeito de Jundiaí.
1946 Entrava no ar a Rádio Difusora Jundiaiense.
1971 Nascia em Jundiaí a artista plástica Leila Alves Lopes.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO