GRUPO ESTAÇÃO PAULISTA

Grupo de artistas plásticos formado em fevereiro de 2000 e que desenvolve as suas atividades em um ateliê montado nas dependências do Museu da Cia. Paulista. Logo depois de constituído, o Estação Paulista inaugurou o seu espaço com uma instalação de painéis produzidos por 14 artistas. Em junho do mesmo ano, participou da fase municipal do Mapa Cultural Paulista, com uma série de painéis intitulada Rodação I, II, III, que foi selecionada para a fase regional do concurso. Em julho de 2000, apresentou a exposição Bandeiras – Uma Instalação Caipira, em dois eventos promovidos pelo Museu da Cia. Paulista – a Festa Julhina e o Arte no Trilho – e também se fez presente no Arte na Cidade 2000, realizado na Sala de Exposições Cecília Meirelles (Complexo Argos, Jundiaí), onde mostrou o painel Excorrendo, produzido coletivamente por seus membros. Em agosto de 2000, o grupo foi mostrar a sua arte no Parque da Água Branca (São Paulo), participando do evento Revelando São Paulo 2000, onde apresentou a exposição intitulada Bandeiras – Uma Instalação Caipira. De volta a Jundiaí, essa mostra foi levada para o saguão e galeria de arte do Teatro Polytheama, onde recebeu grande número de visitantes. Também nesse mês, o grupo parte na exposição Arte, realizada no Museu Ferroviário, com o painel Excorrendo, ao mesmo tempo em que era selecionado para a fase estadual do Mapa Cultural Paulista, com os painéis Rodação I, II, III. O terceiro destes trabalhos de 236 X 236 mm acabou sendo indicado para compor o catálogo do concurso, publicado no início de 2002. As atividades do grupo em 2001 compreenderam nova participação no Revelando São Paulo – ocasião que levou para o Parque da Água Branca a série de pinturas intitulada Bandeiras do Divino, compondo o visual do evento nas arquibancadas – e a realização de duas exposições no Gabinete de Leitura Ruy Barbosa, ambas tendo como tema a natureza: Terra I e Terra II. Ainda nesse ano, tomou parte na mostra oficial de presépios da cidade, onde, mais uma vez, apresentou suas Bandeiras do Divino. Em 2002, retomando a natureza como tema, os artistas do Estação Paulista realizaram duas novas mostras no Gabinete de Leitura Ruy Barbosa – uma delas denominada Água e a outra Ar – e também apresentaram seus trabalhos na Faculdade Santa Marcelina, em coletiva exclusiva do grupo. Entre os participantes ativos do Estação Paulista, estão: João Antonio Borin, Maria Lúcia M. Panizza, Carmem Guim, Maria Diva Vasconcelos Taddei, Marilene Moraes, Sueli Knox, Argemiro Saviolli, Keller Duarte e Yeda Sandoval.

Componentes do grupo em 2003.
Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 22 de abril de ...
1934 Nascia em Jundiaí a professora e musicista Janet Ferreira Prado.
1966 Nascia em Jundiaí a jornalista, advogada, professora universitária e escritora Kátia Raquel Bonilha Keller.
1970 Nascia em Ouro Verde-SP o ator Vanderlei Dias de Oliveira.  

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO