ENFELDT, GUILHERME

(Jundiaí, 27/1/1911 +22/2/1988) – Professor, contador e jornalista. Formado guarda-livros pela Escola Comercial Prof. Luiz Rosa, antes de iniciar a carreira nessa profissão, Guilherme Enfeldt lecionou na antiga Escola Noturna, criada em 1928, junto à Cruzada da Mocidade Católica. Em 12 de setembro de 1940, foi admitido no Núcleo de Ensino Profissional, como escriturário, cargo no qual se efetivou em 11 de julho de 1945. Em 1º de setembro de 1946, foi lotado na Escola Industrial Dr. Antenor Soares Gandra, no cargo de Contador, o qual exerceu até aposentar-se. Ao longo de sua carreira, Guilherme fez parte do quadro interno de Contadores Inspetores do Departamento de Ensino Profissional do Estado de São Paulo; fez estágio junto à Contadoria Geral do Estado, para aplicação do Plano de Contabilidade das Escolas Industriais e fez cursos de Contabilidade Agrícola, junto ao Departamento de Cooperativismo, e de Contabilidade Pública, junto ao Departamento de Ensino Profissional; organizou a contabilidade das Escolas Industriais de Piracicaba e de Jundiaí; inspecionou e orientou os serviços de contabilidade das Escolas Industriais de Rio Claro, Amparo e Araraquara; cooperou no fechamento da contabilidade da Escola Industrial de Campinas e participou da uniformização dos impressos contábeis utilizados pelos estabelecimentos subordinados ao Departamento do Ensino Industrial. Também, durante dois anos, lecionou na cadeira de Contabilidade do Curso de Mestria da Escola Industrial de Jundiaí. Nessa área, ainda, respondeu pela contabilidade da I Exposição Vitivinícola e Industrial de Jundiaí. Paralelamente, Guilherme Enfeldt exerceu o jornalismo, tendo sido redator dos jornais O Excelsior (1932) e O Idealista (1933 e 1934); colaborador do jornal A Folha e da Revista de Jundiaí; comentarista do programa Resenha Esportiva (à época em que este era apresentado por José Pedro Raymundo, através da Rádio Difusora Jundiaiense) e diretor da sucursal de A Gazeta Esportiva em Jundiaí. Em 1952 publicou o opúsculo O Hospital São Vicente de Paulo e Seu Cinquentenário, com 32 páginas sobre a história desse hospital. Em 1957, Guilherme penetrou no campo especializado da educação, ajudando a fundar a AJPAE, entidade que presidiu e na qual atuou, durante muitos anos, ao lado de sua esposa Ignez Enfeldt. Desde os anos 60, até o seu falecimento, Guilherme manteve no Jornal de Jundiaí a coluna Estamos na Praça, tecendo comentários sobre fatos políticos e sociais da cidade.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 21 de junho de ...
1912 Nascia em Jundiaí o carpinteiro e escritor Donato Rullo.
1926 Era fundada em Jundiaí a Associação Esportiva Jundiaiense.
1943 Nascia em Jundiaí a pintora e arte-educadora Sueli Ferreira.
1960 Nascia em Jundiaí a artista plástica Helena Beatriz Galvani.
1961 Nascia em Jundiaí o poeta e romancista José Carlos Zâmbolli.
1981 Nascia em Jundiaí a bailarina Marcela Molena.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO