CASTRO, ALEXANDRE BARROS

Advogado, escritor e professor universitário. Barros Castro fez sua estreia literária no Colégio Estadual Caetano de Campos, em São Paulo, onde, por diversas vezes, teve seus textos premiados em concursos e também, alguns deles, encenados no famoso Teatro do Caetano, localizado na Praça da República. Igual sucesso alcançaram seus escritos, quando frequentou o Colégio Nossa Senhora de Sion, onde completou o seu aprendizado básico. Muito cedo, graduou-se em Direito e Administração de Empresas na Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo-PUC/SP, onde, continuando seus estudos, obteve o título de Mestre em Direito Tributário (1993). Em 1998 ingressou também, junto à PUC/SP, no curso de Doutorado em Direito Tributário. O interesse pelas artes levou-o, em 1990, a se engajar no movimento pela criação Museu da Voz, anexo ao Museu da Imagem e do Som de São Paulo (MIS), atuando em conjunto com articulistas e jornalistas da Folha de São Paulo. Em 1991 participou da fundação do Museu Caiçara, em Ubatuba (SP). Lecionou Direito Constitucional e Direito Tributário na Faculdade Campos Salles (S. Paulo), Faculdade de Administração e Ciências Contábeis Luzwell (S. Paulo), FMU, PUC-São Paulo e Fundação Armando Álvares Penteado. É professor titular da cadeira de Direito Tributário da Faculdade de Direito Padre Anchieta (Jundiaí) e do Curso Preparatório na Área Jurídica Dr. Cláudio Antônio Soares Levada (CPAJ), nas áreas de Direito Constitucional, Administrativo, Financeiro e Direito Tributário. Também é coordenador da área tributária do Núcleo de Aperfeiçoamento e Orientação Jurídica e da Revista de Direito da Faculdade de Direito Padre Anchieta de Jundiaí. De 1993 a 2002 ocupou o cargo de diretor jurídico e de pessoal do Clube Jundiaiense. Em 1998, fundou, com amigos, o Conselho Comunitário de Segurança de Jundiaí, no qual passou a representar a Ordem dos Advogados do Brasil, ocupando o cargo de vice-presidente e, depois, o de presidente. Em março de 2000, juntamente com Douglas Mondo e Jô Martin produziu o evento Inspiração Erótica, o qual incluiu o lançamento de uma coletânea poética homônima, publicada pela Editora Literarte, bem como do CD intitulado Evoé Libido, onde um de seus poemas (Fantasia), musicado por Marcelo Dantas Fagundes, é interpretado por Marcel Martins Emídeo. Em abril de 2000, com os juristas-escritores Cláudio Antonio Soares Levada, Douglas Mondo, João Carlos José Martinelli e Mariazinha Congílio, tornou-se um dos fundadores da Academia Jundiaiense de Letras e Ciências Jurídicas. Dentre suas obras e trabalhos publicados, destacam-se: Responsabilidad indenizatoria en caso de violación del derecho comunitario europeo (Revista de Estudios Comunitarios n.º 13, Madrid, 1998); El impuesto sobre el valor añadido (IVA) y la Comunidad Europea: su repercusión (Revista de Estudios Comunitários n.º 16, Madrid, 1999); Conceitos Básicos de Direito Tributário – obra em coautoria (Ed. Carthago & Forte, São Paulo, 1991); Tributos X Medidas Provisórias no Direito Brasileiro – obra em coautoria (Ed. Carthago & Forte, São Paulo, 1997); O Atual Sistema Tributário Nacional – publicação interna da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (São Paulo, mar/1992); O Brasil Clama por Menos Impostos (revista Jundiaí on line, Jundiaí, abril de 1997); ISS e Serviço de Vigilância; Análise Jurisprudencial (revista Jundiaí on line: Kyotec, set/1997); As Privatizações no Brasil (revista Jundiaí on line: Kyotec, dez/1997); Procedimento Administrativo Tributário (Ed. Atlas, São Paulo 1998); Princípios Constitucionais Tributários (Boletim da Escola Paulista de Especialização para Executivos, São Paulo, mai/1998); ISS e a Problemática do Local da Prestação do Serviço (revista Jundiaíonline: Kyotec, Jundiaí, jan/1998); As Medidas Provisórias no Direito Tributário Brasileiro (Cadernos de Direito Tributário e Finanças Públicas n.º 25: Revista dos Tribunais, São Paulo, 1998); Imposto de Renda: Suas Recentes Alterações (revista Jundiaí on line: Kyotec, Jundiaí, mar/1999); Responsabilidade Tributária: Imposto de Renda na Fonte (Caderno de Direito Tributário e Finanças Públicas, n.º 27: Revista dos Tribunais, São Paulo, abr-jun/1999); Contribuição Previdenciária e o Princípio da Tipicidade Tributária (revista Jundiaí on line: Kyotec, Jundiaí, mai/1999); Princípios Constitucionais: Sua Relevância Para o Direito Tributário (Revista de Direito n.º 1: Faculdade de Direito Padre Anchieta – Fadipa, Jundiaí, 1999); CPMF e Sua Atual Configuração no Sistema Tributário Nacional – estudo em coautoria (Caderno de Direito Tributário e Finanças Públicas, n.º 28: Revista dos Tribunais, São Paulo, jul-set/1999); A Propalada Reforma Tributária (jornal O Oito, n.º 1: Diretório Acadêmico da Faculdade de Direito Padre Anchieta de Jundiaí, set/1999); Trust e off-shore: Elisão ou Evasão Fiscal? (Revista Tributária e de Finanças Públicas, n.º 30: Revista dos Tribunais, São Paulo, jan-fev/2000); Reflexões, ainda, acerca da tormentosa Cofins, seus vícios e sua atual problemática (Revista de Direito: Faculdade de Direito Padre Anchieta, Jundiaí, abr-mai/2000); Teoria e Prática do Direito Processual Tributário (Ed. Saraiva, São Paulo 2000; InsPiração Erótica – coletânea poética ( Editora Literarte, Jundiaí, 2000); O Estado e o Cidadão – Crônicas e Pareceres Jurídicos (em parceria com João Carlos José Martinelli, Ed. Literarte, 2001). Barros Castro faz parte da equipe de colaboradores da revista Humanidade, para a língua portuguesa, e de diversas publicações especializadas na área de Direito Tributário. Desde março de 2004 preside a 33.ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil. 

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 24 de junho de ...
1905 Nascia em Jundiaí o ator Pompeu Perdiz.
1912 Nascia em Itatiba Luiz Latorre, empresário e ex-prefeito de Jundiaí.
1946 Entrava no ar a Rádio Difusora Jundiaiense.
1971 Nascia em Jundiaí a artista plástica Leila Alves Lopes.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO