BORIN, ANTONIO

(Jundiaí, 16/11/1903 +23/4/1968) – Industrial. Descendente de uma das primeiras famílias italianas a se instalar no Caxambu, o Comendador Antonio Borin foi um dos baluartes da viticultura assentada naquele bairro jundiaiense, onde deu expansão à indústria que leva o nome de sua família, tornando-a uma das maiores produtoras de vinho e vinagre do País. A par da intensa dedicação à sua indústria de bebidas, Antonio Borin teve ativa participação na vida pública jundiaiense, havendo sido suplente de delegado de Polícia e exercido a função numa das férias do delegado titular, Dr. João Moreira de Novaes, e também ocupado o cargo de vereador no período de 30/1 a 31/12/1957. Entre outras homenagens que recebeu em vida destacam-se a Comenda do Mérito do Sacro Imperial e Angélico da Ordine Crucis Constantine Magne, outorgada em 24/5/1958, e a Medalha Cultural e Cívica “José Bonifácio de Andrada e Silva, o Patriarca”, outorgada em 5/6/1963, pela Faculdade Brasileira de Heráldica e Medalhística. Após sua morte, a Prefeitura do Município de Jundiaí atribuiu seu nome à avenida que liga os bairros da Colônia e Caxambu.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 13 de abril de ...
1930 Nascia em Jundiaí o ator Olivo Tubini.
1933 Nascia em Jundiaí a escritora e farmacêutica Aída Radanovic.
1951 Nascia em Jundiaí o pintor Apolônio Camacho Bizerra.
1960 Nascia em Jundiaí o pintor Paulo Roberto Luchetti.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO