PINTO, MESSIAS PASCOAL

(Estiva-MG, 6/8/1947) – Poeta autodidata e estilista. Nome Artístico: Géso. Seu trabalho poético começou a se tornar conhecido a partir de publicações feitas na imprensa, especialmente por ocasião de datas festivas, como o Dia das Mães e o Dia Internacional da Mulher. Em 1993, aliando essa arte à de estilista, que exerce profissionalmente, lançou o livro Sonho e Realidade, durante desfile de modas realizado no Restaurante Tratoria Passarin. Em 1996, juntamente com as poetisas Nerina Eichemberger Silva e Valderez de Mello Cornachione, participou de um festival promovido pelo Centro de Alfabetização de Adultos do Jardim Cristina, em Campinas-SP, fazendo declamações. Também apresentou seus poemas em homenagem aos artistas-pintores da Cidade Vicentina, por ocasião de suas exposições no Museu Histórico e Cultural de Jundiaí, no Centro das Artes e no Gabinete de Leitura Ruy Barbosa, bem como no Teatro Polytheama e na Praça Governador Pedro de Toledo, por ocasião da Semana do Idoso. A partir de 2000, Géso passou a divulgar o seu trabalho também nos saraus lítero-musicais realizados no Shopping Paineiras e no Clube Jundiaiense e em exposições de arte no Senac. Dois de seus poemas – A Tela e Sonho da Arte – foram destacados em exposição realizada pela artista plástica Yolanda Gnecco (Yogne) e seus alunos no Gabinete de Leitura Ruy Barbosa, enquanto o poema Inspiração foi escolhido, em 1999, para ilustrar o convite da coletiva realizada pelos artistas-alunos da pintora Carla Fatio, professora da Funarte, na Casa da Cultura de Jundiaí. Seu trabalho intitulado Sonho da Arte também ganhou destaque em reportagem publicada pela revista Conexão Paulista, em 1998, onde foi enfocada a produção dos artistas jundiaienses. Géso possui pronto para publicação um novo livro, onde reúne mais de cem poemas inéditos, produzidos entre os anos 1990 e o início dos anos 2005.

Encontrou algum erro?

Envie uma correção

EFEMÉRIDES
Em 20 de julho de ...
1885 Nascia em Itu-SP o músico e maestro José Maria dos Passos.
1938 Falecia em Jundiaí, aos 63 anos, o médico Domingos Anastasio.
1947 Falecia em Jundiaí, aos 41 anos, o Professor João Muto.
2001 Falecia em São Paulo, aos 30 anos, o ilustrador e criador de histórias em quadrinhos e livros infantis Émerson Eduardo Luiz.
2002 Falecia em Jundiaí o ritmista Island Júnior.
2003 Falecia em Jundiaí, aos 90 anos, o violonista amador José Levada. Falecia em Jundiaí, aos 90 anos, o violonista amador José Levada.
2019 Falecia em Jundiaí o metalúrgico, radialista e ex-vereador Rolando Giarola.

Saiba mais sobre estes e outros personagens, instituições e fatos ligados às Artes, à Cultura e à História de Jundiaí navegando pela nossa Enciclopédia Digital.

Acompanhe nossas Redes sociais
Parceiros

Copyright © 2021 Jundipedia. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por PROJECTO